Páginas

22 de novembro de 2012

Escritor do mês - Sophia de Mello Breyner Andresen

Sophia de Mello Breyner Andresen (1919-2004), voz incontornável no panorama da literatura portuguesa contemporânea, é o "nosso escritor do mês" de novembro; novembro, mês do seu nascimento e que nos suscita a apresentação de uma singela mostra de obras suas, constantes do acervo desta biblioteca, assim como a divulgação, junto dos leitores, da riqueza literária de uma mulher que marcou o século XX das letras portuguesas, pela sua mestria nos domínios da poesia, da narrativa e do texto dramático. Tantas e tantas são as obras que fazem parte do património cultural de inúmeros leitores que aprenderam, sonharam e reflectiram com Sophia. Uma autora que continua, pela luminosidade da sua obra, a iluminar o nosso olhar sobre o mundo.
Aproveitamos este espaço para transcrever uma breve nota biográfica:
“Autora de uma das mais belas obras da língua portuguesa, Sophia nasceu no Porto, em 6 de Novembro de 1919, numa família aristocrática de ascendência dinamarquesa. Viveu nesta cidade até aos dez anos, e posterior-mente em Lisboa, onde faleceu em 2004. Colaborou em revistas literárias: «Cadernos de Poesia» (1940-42), «Árvore» (1951-1958) e «Távola Redonda» (1950-1954). A sua obra abrange a poesia, o conto, sobretudo infantil, o ensaio e a tradução.
No mundo poético de Sophia, o mar, a terra, a casa, a infância e a família ocupam um es-paço privilegiado.
A sua vasta obra é considerada excecional e, por isso, nunca é demais lembrá-la.” - Fonte: Instituto Camões (texto adaptado)
... Sugerimos também um excelente recurso (da biblioteca Nacional), a consultar, sobre a autora: vida e obra [http://purl.pt/19841/1/]

Sem comentários: