Páginas

16 de novembro de 2012

Lembrar Saramago

"Vivo desassossegado, escrevo para desassossegar" foi o lema de um dos mais notáveis escritores contemporâneos de língua portuguesa, José Saramago (1922 - 2010), prémio Nobel da Literatura - 1998. E hoje é o dia em que se evoca 90 anos sobre a data do seu nascimento. Um "Dia do Desassossego", instituído pela Fundação Saramago, para lembrar a dimensão literária e humana de um escritor cuja escrita e discurso, dizemos nós, continua a desassossegar pelas razões mais nobres da aberta reflexão sobre o mundo em que vivemos e o modo como nele somos e estamos. 
Recuperamos aqui uma mostra que alunos da nossa escola fizeram sobre obras de José Saramago - Saramago Ensaio Gráfico - apresentada no âmbito da Semana da leitura de 2011, e que recria capas de alguns dos seus livros mais conhecidos.

Sem comentários: