Páginas

24 de outubro de 2007

Um certo olhar sobre o livro

Livro, esse mais que objecto!
Foi esta a proposta criativa de algumas alunas que, numa atitude irreverente, provocatória até, procuraram questionar um certo "status" de livro enquanto objecto - objecto; enquanto objecto encarcerado na condição de "não-lido". Numa das paredes da biblioteca (onde expõem), desafiam-nos a resgatar o livro dessa condição, desse limbo de "não-ser", desse estado de empoeirada letargia a que muitos e bons foram votados e que esperam o toque do leitor para renascerem de novo como objectos mágicos. Afinal, como nos diz William Ospina (num texto intitulado A Cidade dos Livros), "sem a memória e a imaginação daquele que escut
a ou daquele que lê, o livro seria letra morta, um objecto imóvel numa estante".
Tu tens o poder de os libertar, esse poder que adquirimos bem cedo, quando lentamente, esforçadamente, uníamos as letras, articulávamos as palavras e, prodígio dos prodígios, descobríamos, com gosto, o sentido que das frases emergia.
Tens tu esse poder?
Autoria: Andreia Moreira, Graça Machado, Renata Cachada (11ºJ, ESAF.2007)


Autoria: Diana Silva, Diana Abelheira, Rita Loureiro (11ºJ, ESAF.2007)

1 comentário:

Anónimo disse...

extao fantaxtikox.........

expecialment o noxo "dorian"!!!!

lool

e pena xo extarem doix max pa proxima vai xer melhor ha k ter fe!!!!

bjx