Páginas

30 de setembro de 2007

Os livros não se medem aos palmos, mas...

Curiosidades apanhadas na "rede".
Nos inícios de Setembro, foi apresentado na Bienal
do Livro do Rio de Janeiro, um livro que, segundo os organizadores, é tão só o maior livro do mundo! Um objecto com cerca de 1,54 m de largura e 250 Kg de peso, dando corpo a um dos maiores clássicos da literatura de todos os tempos: "O Principezinho" de Antoine de Saint-Exupéry (obra que é uma lição sobre a vida e os valores que deveríamos partilhar... para quem não leu valerá a pena lê-lo. Num livro com dimensões mais pequenas, claro!). Ah! Nem de propósito, assinalou-se este ano a passagem dos 60º aniversário da 1ª edição da obra em França. Mais uma nota: sim, este é também um texto para adultos.
Ainda do Brasil, a notícia de que foi apresentado, numa exp
osição de livros religiosos, aquele que dizem ser o livro mais pequeno do mundo - não mede mais que 5mm e é pouco maior que um grão de arroz. Será?!

Sem comentários: